Desenvolvimento

“A Chaiane era uma menina tímida e, ao longo do curso do Instituto Crescer Legal, percebi que ela ia se desenvolvendo mais e mais e deixando de ser aquela menina quietinha que eu conhecia até então. Ela desenvolveu muito o diálogo com as outras pessoas e passou a se posicionar diferente, na escola, com os professores, com os colegas e até mesmo em casa. Um dos aspectos em que a minha filha teve mais desenvolvimento foi nos assuntos da comunidade. Ela se envolveu mais, correu atrás de assuntos e histórias que aconteceram na localidade e até eu fiquei surpresa com tantas novidades que ela foi descobrindo. Como mãe, eu sempre busquei participar das atividades propostas pelo Crescer Legal, fui às reuniões, aos seminários e à formatura. Quanto mais eu participava dos eventos do curso, mais tinha certeza de proporcionavam desenvolvimento e eram oportunidades que contribuíam para o crescimento da Chaiane.”

Aline Aparecida da Cunha Martins, mãe da adolescente Chaiane da Cunha Martins, 17 anos, que foi jovem aprendiz em 2018 do Programa de Aprendizagem Profissional Rural do Instituto Crescer Legal em Candelária (RS).

Últimas Histórias