Programa de Aprendizagem Profissional Rural

Programa de Aprendizagem Profissional Rural

O Programa de Aprendizagem Profissional Rural é pioneiro ao oferecer aprendizagem profissional sem sair do campo e da escola, formando adolescentes no curso de gestão rural e empreendedorismo. Durante o período médio de um ano do curso (920 horas), os jovens são contratados como aprendizes por empresas do setor de tabaco associadas e apoiadoras do Instituto Crescer Legal.

De acordo com a Lei de Aprendizagem, recebem salário proporcional a 20 horas semanais – a carga horária do curso, que ocorre no contraturno escolar – e ao final são devidamente certificados. No entanto, ao invés de trabalharem nas empresas, os aprendizes de 14 a 17 anos realizam suas atividades teóricas nas escolas sede e as práticas tanto no ambiente do curso como em suas comunidades, com mais motivação e condições para a produção do conhecimento.

Para participar, o aprendiz precisa frequentar a escola regular. Com isso, os adolescentes ocupam seu dia no curso e na escola, longe de tarefas impróprias para a idade.

A cada ano, o Programa conta com a participação de 140 jovens, em sete municípios. No programa das atividades consta o estudo e análise das propriedades rurais, diagnóstico do município e da região com estudos dos arranjos produtivos locais e mapeamento das parcerias locais e alianças estratégicas. Os adolescentes também desenvolvem trabalhos em grupo envolvendo as famílias e a comunidade e estudos de viabilidade de desenvolvimento de produtos de gestão no meio rural.

 

Curso Empreendedorismo em Agricultura Polivalente – Gestão Rural

 

2018 – 122 jovens aprendizes
Boqueirão do Leão (RS)
Candelária (RS)
Vera Cruz (RS)
Venâncio Aires (RS)
Vale do Sol (RS)
Santa Cruz do Sul (RS)
Sinimbu (RS)

2017 – 84 jovens certificados
Candelária (RS)
Vera Cruz (RS)
Venâncio Aires (RS)
Vale do Sol (RS)
Santa Cruz do Sul (RS)

Loader