Fazendo história

06/11/2023

“Como educadora da primeira turma de aprendizes rurais do Instituto Crescer Legal em Santa Catarina, sinto-me honrada em estar fazendo parte da história da juventude rural de Itaiópolis. A experiência está sendo uma jornada enriquecedora, gratificante e desafiadora. Trabalhar com os temas que envolvem a conexão com a natureza, agricultura, criação de animais, jardinagem e outras atividades relacionadas à vida no campo, proporciona uma série de particularidades e oportunidades únicas. O ambiente em que os aprendizes vivem é rico na cultura e tradição e incorporar esses temas ao curso é recompensador, pois valoriza e preserva as raízes culturais, oportunizando também o fortalecimento das famílias no processo educacional de cada um.

Ademais, no curso, trabalhamos com outros temas fundamentais, como desenvolvimento de habilidades de vida, de resiliência, trabalho em equipe, liderança e respeito em suas mais diversas formas. É uma profissão que permite não apenas transmitir conhecimento, mas também contribuir para o fortalecimento das comunidades rurais, das famílias, da cultura e do crescimento pessoal dos aprendizes.

E essa evolução dos jovens é notável. Percebi um destaque especial para a transformação de suas habilidades na comunicação e na interação com suas famílias. No início, muitos desses jovens tinham o receio em falar para o público, até mesmo para os colegas do curso. Atualmente, sinto uma notável evolução em suas apresentações, estando mais desenvoltos e com maior facilidade em se apresentar. O mesmo desempenho percebi para com a interação com suas famílias, havendo maior conversação e troca de ideias para realização das atividades do curso.

Para mim, ser educadora trouxe novas percepções pessoais. Vejo que o setor rural é uma combinação de modernização, sustentabilidade, reconhecimento e valorização de um estilo de vida rural. Tenho visto o setor como um componente essencial e dinâmico de nossas sociedades, e não apenas como uma paisagem de produção, fazendas e campos. Tenho consciência de que é preciso continuar a apoiar e investir no desenvolvimento sustentável do setor rural, garantindo que ele continue a desempenhar um papel vital em nossa economia e sociedade. No próximo ano, outros adolescentes comporão uma nova turma de aprendizes em Itaiópolis e para nós fica a expectativa de contribuir com o amadurecimento de mais jovens rurais.”

Adriane Partala Alves da Silva, educadora do Programa de Aprendizagem Profissional Rural do Instituto Crescer Legal em Itaiópolis (SC). É engenheira florestal e possui também licenciatura em Matemática.

Voltar

Últimas Histórias

06/05/2024
Orgulho em dobro

“Tenho muitos motivos para ter um grande orgulho das minhas filhas: são maravilhosas, educadas, carismáticas, dedicadas e focadas nos estudos. Também são responsáveis e maduras, pois sabem o que querem e onde querem chegar. E, para que elas se tornassem as pessoas que são hoje, o Instituto Crescer Legal nos deu um grande auxílio durante a adolescência, período importante do desenvolvimento delas.[...]

LEIA MAIS
06/05/2024
Unidas no empreendedorismo

“Tenho grande orgulho da minha filha, por ela ser uma jovem educada, focada no que quer, madura, forte e empreendedora. Nisso tudo, o curso do Instituto Crescer Legal contribuiu muito por nos ajudar a aproveitar cada momento da adolescência e amadurecimento no período de trajetória em direção à vida adulta.[...]

LEIA MAIS
06/05/2024
Amor de mãe para superar

“Meu marido e eu tínhamos o sonho da adoção e há cinco anos o Renan foi o escolhido pelo coração. Ele é um menino encantador, tem diversas qualidades e demonstra ter muita ternura no coração. Acordar todos os dias com um abraço e um ‘eu te amo’ nos enche de sentimentos indescritíveis.[...]

LEIA MAIS