Nicho de mercado: alimentos

06/04/2022

“Na produção rural, além do conhecimento técnico, é preciso estar atento ao mercado e ter boa gestão financeira. É importante dar atenção às finanças, ter tudo na ponta do lápis, fazer boa gestão e ser persistente e organizado em relação aos números. Esses são alguns aspectos que buscamos mostrar quando recebemos turmas de jovens aprendizes do Instituto Crescer Legal na Coopersanta (Cooperativa Regional de Alimentos Santa Cruz). Acreditamos que a Coopersanta seja um agente transformador da sociedade e, por isso, acho muito importantes os contatos como os jovens, pois procuramos mostrar como os agricultores trabalham unidos e de que forma a cooperativa se organiza para fazer a comercialização. A venda dos produtos é fundamental, pois não adianta produzir se não há mercado garantido.

E, como a demanda por alimentos de qualidade cresce, o cenário é promissor e uma possibilidade de investimento para os jovens. Os consumidores buscam alimentos saudáveis, com garantia de origem e produtos orgânicos mais sustentáveis. E a produção desses alimentos, de forma organizada, é uma possibilidade de prosperidade na atividade rural. Para isso, a educação é fundamental, pois, o conhecimento é necessário para poder aproveitar tudo o que existe em tecnologias para aplicação no campo. A informação é um insumo importante para garantir o desenvolvimento da agricultura, que é imensa, diversificada e cheia de saberes.”

Cassio Benito Baptista, presidente da Cooperativa Regional de Alimentos Santa Cruz (Coopersanta).

Voltar

Últimas Histórias

02/06/2022
Trabalho que deve ser valorizado

Fui aprendiz do Instituto Crescer Legal por dois anos, sendo um grande período durante a pandemia.

LEIA MAIS
02/06/2022
Quando enxergam sua importância

No dia 4 de agosto de 2021 assumi minha atual função como auxiliar administrativo do Instituto Crescer Legal.

LEIA MAIS
02/06/2022
Meta: ser pecuarista

Aos 14 anos, eu já tinha carteira de trabalho e ela estava assinada como jovem aprendiz.

LEIA MAIS