No campo e no jornalismo

06/04/2022

“Eu aprendi muito no curso realizado como jovem aprendiz do Instituto Crescer Legal e todos os aprendizados foram importantes. Mas, o que mais pode me ajudar para a vida são as dinâmicas nas quais éramos estimulados a falar e a aprimorarmos nossa comunicação. O projeto final, por exemplo, teve a apresentação na frente de várias pessoas e, por ter sido desafiador, levarei isso comigo.

Esse desenvolvimento da comunicação e de perder a vergonha de me expressar será importante para meu futuro porque escolhi o jornalismo como profissão. Depois do curso do Crescer Legal, comecei a graduação em Comunicação e quero focar no esporte, pois sou apaixonada por futebol e penso em me formar e poder seguir na área esportiva.

Além de despertar meu lado comunicativo, a experiência de ter sido aprendiz do Crescer Legal foi muito importante por trazer conhecimentos variados e por ter impactado o meu jeito de pensar nas coisas do meio rural. Foi uma vivência única e uma palavra que resume é ‘conexão’, pois tive uma conexão muito boa com a sede do curso, com os ensinamentos e com o nosso grupo de colegas. Serei sempre grata ao instituto por me proporcionar isso.”

Chaiane Römer Völz, 18 anos, foi jovem aprendiz em 2020 e 2021 do Programa de Aprendizagem Profissional Rural do Instituto Crescer Legal em Canguçu (RS).

Voltar

Últimas Histórias

02/06/2022
Trabalho que deve ser valorizado

Fui aprendiz do Instituto Crescer Legal por dois anos, sendo um grande período durante a pandemia.

LEIA MAIS
02/06/2022
Quando enxergam sua importância

No dia 4 de agosto de 2021 assumi minha atual função como auxiliar administrativo do Instituto Crescer Legal.

LEIA MAIS
02/06/2022
Meta: ser pecuarista

Aos 14 anos, eu já tinha carteira de trabalho e ela estava assinada como jovem aprendiz.

LEIA MAIS